Polícia

Assaltante com 4 mandados de prisão morre em confronto com o Bope

Criminoso tinha quatro mandados de prisão em aberto por crimes como roubo qualificado. Paulo ‘Tripa’ já havia confrontado o Bope na semana passada, mas conseguiu escapar.

Compartilhe:

O assaltante Paulo Rodrigues da Silva Nascimento, de 22 anos, o ‘Tripa’, foi morto no início da tarde desta segunda-feira (13) durante confronto com policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) em uma residência localizada na Avenida dos Tamoios, bairro do Muca, zona sul de Macapá.

Segundo o capitão Hércules Lucena, o Bope havia recebido uma denúncia anônima de que um homem estaria manuseando uma arma de fogo naquela área. “Assim que recebemos a denúncia as equipes foram deslocadas. Chegando ao endereço os policiais foram recebidos à bala. Houve o revide e o marginal acabou alvejado. Acionamos o resgate médico, mas ele morreu no local. somente após a checagem de informações é que descobrimos que contra ele havia quatro mandados de prisão por crimes como roubo”, disse o capitão.


Com Paulo Tripa a polícia aprendeu um revólver calibre 38. Ainda de acordo com a polícia, ele já havia trocado tiros com o Bope na semana passada em outra avenida do bairro do Muca. Tripa e um comparsa haviam assaltado uma mulher. Naquele confronto foi morto Arlindo Rodrigues da Conceição, de 18 anos, o ‘Cabeção’.


Paulo Tripa levou um tiro na perna, mas conseguiu escapar. “Eles estava disposto a matar ou morrer. Era considerado um elemento de altíssima periculosidade e sempre agia com extrema violência contra suas vítimas. Hoje essa ação foi cessada”, concluiu.

O corpo do assaltante foi removido para o Departamento de Medicina Legal (DML) da Polícia Técnico-Científica (Politec) para ser necropsiado.

Reportagem e fotos: Jair Zemberg

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *