Polícia

Detento que usava tornozeleira eletrônica é preso por extorsão em Santana

Paulo ‘Bispo’ usava tornozeleira eletrônica. Ele vinha tentando extorquir um empresário que teve a lancha furtada no município de Santana. Bispo usava tornozeleira eletrônica

Compartilhe:

A delegada Luiza Maia, da 2ª Delegacia de Polícia Civil (2ª DP), de Santana, município distante 17 quilômetros da capital, prendeu preventivamente nesta sexta-feira (16) Paulo ‘Bispo’ Barros Dourado, que foi identificado como o homem que vinha tentando extorquir um empresário santanense que teve uma embarcação furtada no início do mês.

“Houve o furto dessa embarcação que foi levada para uma região do município de Mazagão. O Bispo atuava como o articulador do crime. ele vinha mantendo contato com o empresário e exigia o pagamento – mediante extorsão – para que a vítima recebesse o bem material subtraído. Conseguimos realizar o monitoramento e identificá-lo no curso da investigação”, disse a delegada.

Paulo Bispo, que já cumpriu pena por crimes como roubo, furto e tráfico de drogas, estava cumprindo pena atualmente no regime aberto domiciliar, porém, ele usava uma tornozeleira eletrônica. A prisão ocorreu em um conjunto habitacional.

“A lancha do empresário foi localizada, mas já totalmente ‘depenada’. Os criminosos retiraram tudo, principalmente, a parte eletrônica. É importante frisar que a investigação mira outras pessoas”, concluiu.

 

Reportagem: Jair Zemberg

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *