Política Nacional

Sandro Alex relatará processo de Chico Alencar no Conselho de Ética

Alencar é um dos autores de pedido de cassação do presidente da Câmara

Compartilhe:

O presidente do Conselho de Ética da Câmara, José Carlos Araújo (PSD-BA), indicou o deputado Sandro Alex (PPS-PR) para ser o relator do processo que investigará se o deputado Chico Alencar (PSOL-RJ) quebrou o decoro parlamentar. O relator terá prazo de 10 dias úteis, contados a partir desta sexta (13), para apresentar um parecer preliminar recomendando a continuidade ou arquivamento das investigações.

O pedido de apuração foi feito pelo deputado Paulo Pereira da Silva (SD-SP), presidente do Solidariedade e um dos aliados mais próximos do presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que também é alvo de processo por quebra de decoro parlamentar.

O requerimento que pede a cassação do mandato de Chico Alencar foi visto como uma forma de retaliação ao deputado do PSOL, que foi um dos articuladores do pedido de investigação de Cunha no Conselho de Ética.

Questionado sobre o entendimento de que representações contra oponentes de Cunha seriam uma forma de retaliação, José Carlos Araújo disse que é função do colegiado analisar todos os processos apresentados. “Nossa obrigação é receber tantas quantas forem as representações no Conselho de Ética”, ressaltou Araújo.

Indicado para a relatoria, Sandro Alex afirmou que não vai deixar que o ambiente “externo” afete sua decisão como relator. “Um dos fundamentos do Conselho de Ética é zelar pela dignidade do mandato do parlamentar.

 
Compartilhe:

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *