Turismo

FESTA DE SÃO TIAGO

Tradição e cultura em Mazagão Velho

Compartilhe:

CLEBER BARBOSA
EDITOR DE TURISMO

A Festa de São Tiago 2019 iniciou nesta semana, no distrito de Mazagão Velho, município de Mazagão, comunidade a cerca de 70 quilômetros da capital, Macapá. Como manda a tradição, os fogos e os tiros das alvoradas acordam a cidade para avisar que chegou mais uma edição da festividade; já por volta das 18 horas, acontece a primeira transladação das imagens de São Tiago e São Jorge para a Capela. Durante três dias, as imagens dos santos percorreram instituições públicas e residências de devotos em Macapá e Mazagão para divulgar o evento.

A partir da data de abertura, ocorrem novenas diárias que se iniciam por volta das 19h, na Igreja de Nossa Senhora da Assunção. Após as celebrações religiosas, acontecem os arraiais com bingos e leilões seguidos de festas dançantes. Durante o dia, tem vasta programação no palco montado no balneário às margens do rio Mutuacá. O ponto alto da festividade acontece nos dias 24 e 25 de julho, quando ocorrem as encenações das batalhas entre mouros e cristãos. No primeiro dia, à tarde, acontece o ritual da “Entrega dos Presentes”, e o Baile de Máscaras, à noite.

A festa
No dia 25, data dedicada ao santo, uma missa campal precede o Círio que toma as ruas de Mazagão Velho no período da manhã, com as imagens carregadas em andores por cavaleiros vestidos a caráter. Ao meio-dia se dá a passagem do “Bobo Velho” e à tarde as encenações dos demais episódios da tradição bicentenária.


Já nos dias 27 e 28, as crianças têm uma Festa de São Tiago exclusiva. Além da simplicidade e do brilho dos pequenos, funciona como preparação para que conheçam a tradição que um dia será responsabilidade deles. Um extenso calendário, que muda a rotina da vila habitualmente pacata e que seus moradores se esforçam para garantir que todo ano saia a contento. “Sabemos da responsabilidade que é organizar esse que é um dos maiores eventos religiosos e culturais do Amapá. Para isso, acontece uma grande união de esforços, tanto internamente, quanto junto ao poder público”, assinala o presidente da Associação Cultural da Festa de São Tiago (ACFST), Alexandre Queiroz.

Tradição – Tradição trazida da África no século 18, a Festa de São Tiago completa 242 anos em 2019 e acontece de 16 a 28 de julho. É realizada desde o ano de 1777 em Mazagão Velho, no município de Mazagão.

*Colaborou: Gabriel Penha

Tradições e resgate de uma parte da história


Realizada desde o ano de 1777 em Mazagão Velho, no município de Mazagão, a Festa de São Tiago é uma tradição trazida da África no século 18, a Festa de São Tiago completa 242 anos em 2019 e acontece de 16 a 28 de julho. Mistura rituais religiosos, cavalhada e teatro a céu aberto para contar a aparição de Tiago como um soldado anônimo que lutou bravamente ao lado do povo cristão contra os mouros e garantiu sua vitória.
A programação é organizada e realizada pela própria comunidade local, através da Associação Cultural da Festa de São Tiago (ACFST), com apoio do Governo do Amapá e prefeitura local. Este ano, o Estado investiu R$ 692.738,40, repassados através de convênio celebrado entre a Secretaria de Estado da Cultura (Secult) e a Fundação Municipal de Cultura e Turismo de Mazagão (MazagãoCult).

Mobilização
Entre os órgãos de Estado envolvidos na realização da festa estão: Gabinete Civil, Polícia Militar, secretarias de Desenvolvimento das Cidades (SDC), Cultura (Secult), Turismo (Setur), Desenvolvimento Rural (SDR) e Trabalho e Empreendedorismo (Sete).

 

Confira detalhes da programação desta semana da Festa de São Tiago

21/07 (domingo)
– Culto a cargo das comunidades do Ajudante, Vila Queiroz e Vila Maranhense
– Arraial a cargo da Família Barreto
22/07 (segunda-feira)
– Culto das famílias Nunes, Torres e Câmara
– Arraial a cargo do Governo do Estado do Amapá
– Baile Dançante
23/07 (terça-feira)
– Culto a cargo das famílias Espíndola e Ramos
– Arraial a cargo da Prefeitura Municipal de Mazagão e Câmara de Vereadores
– Baile Dançante
24/07 (quarta-feira)
– Alvorada Festiva (4h)
– Entrega dos Presentes
– Confissão/Missa famílias Penha e Queiroz
– Baile de Máscaras (Barraco de São Tiago)
25/07 (quinta-feira)
– Saída do Arauto convidando as figuras para o círio
– Missa solene em frente à Capela de São Tiago
– Início do Círio
– Dança do Vominê para convidados locais
– Passagem do “Bobo Velho”
– Saída do arauto anunciando o início da batalha, com os seguintes episódios:
– Descoberta do Atalaia
– Morte do Atalaia
– Armadilha (Emboscada feita pelos cristãos)
– Captura e venda das crianças cristãs e partilha do dinheiro
– Troca do corpo do Atalaia pela bandeira moura
– Batalha entre mouros e cristãos, tomada do estandarte mouro e batalha final.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *