Cidades

BPRE deflagra Operação Nossa Senhora Aparecida nas rodovias do Amapá

Fiscalizações buscam coibir infrações de trânsito relacionadas a pessoas dirigindo sem habilitação e o álcool

Compartilhe:
As fiscalizações devem se estender até a manhã da próxima segunda-feira, 15.

O Batalhão de Policiamento Rodoviário Estadual (BPRE) já fechou seu planejamento visando às ações que serão realizadas nesta sexta-feira, 12, feriado de Nossa Senhora de Aparecida, e, durante o fim de semana, que culminará com o Círio de Nossa Senhora de Nazaré, em Macapá.

Segundo o comandante do BPRE, major Carlos Augusto Rodrigues, as ações contarão com o suporte da guarnição tático rodoviário operacional, que é uma equipe especializada que atua nas áreas consideradas de maiores incidências de crimes, com o policiamento de segurança nas rodovias. “Estaremos com quatro viaturas, sendo uma do tático operacional, fazendo o patrulhamento das principais rodovias estaduais diuturnamente com as fiscalizações através das barreiras policiais, bem como o trabalho educacional no trânsito”, frisou.

O comandante ressaltou que as fiscalizações serão intensificadas visando garantir a segurança dos condutores, assim como, coibir as infrações de trânsito. Dentre as de maiores autuações, pessoas dirigindo sem Carteira Nacional de Habilitação tem sido uma das mais frequentes durante as abordagens. “Nos preocupa esse tipo de infração pela quantidade de pessoas flagradas de janeiro a agosto. Para se ter uma ideia, durante este período o batalhão lavrou 11.700 autos de infração de trânsito. Desse total, 20% são referentes a pessoas não habilitadas conduzindo veículos nas rodovias estaduais”, informou.

A ingestão de bebida alcóolica também é outra infração que preocupa o BPRE. Segundo o major Rodrigues, muitos condutores insistem em conduzir veículos após o consumo de bebidas alcoólicas. “Recomendamos aos condutores que procurem observar a legislação de trânsito, e que se forem dirigir, não beba. Caso vá consumir bebida, que escolha aquele amigo que não bebeu, ou então opte em pegar um táxi ou veículo de algum aplicativo, evitando colocar a vida dele e dos demais em risco”, recomendou.

Outra recomendação é quanto ao uso do cinto de segurança. O policial frisou que ainda há um grande número de condutores que são flagrados sem o uso do equipamento obrigatório de segurança. “Tanto nas vias urbanas, como nas rodovias, nos deparamos com pessoas dirigindo sem o cinto”, lamentou o comandante do BPRE.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *