Cidades

Morre, aos 50 anos, Adriano Sampaio

Barbeiro de profissão, Adriano Sampaio tinha forte ligação com o carnaval, futebol e política. Ele morreu nesta quarta (23) por complicações cardíacas e renais.

Compartilhe:

Barbeiro de profissão, desde a adolescência, Adriano Sampaio, que dia 14 de novembro completaria 51 anos de idade,morreu na tarde desta quarta, 23, na UTI, do HSC, no Santa Rita, em decorrência de complicações cardíacas e renais.

Adriano estava internado desde a sexta-feira (18) quando foi levado ao hospital com insuficiência respiratória. Ele era assistido por uma equipe médica chefiada pelo cardiologista Eduardo Monteiro.

Nos últimos dias o quadro clínico piorou e nesta quarta-feira ele não resistiu. Morreu às 16h30.

Não existem maiores detalhes sobre o caso. Adriano ‘Itamarati’, como era conhecido por causa do nome da barbearia tradicional que ele mantinha há anos na Leopoldo Machado, bairro do Trem, tinha forte ligação com os meios políticos, carnavalesco e esportivos, sendo diretor do Trem Desportivo Clube.

Uma outra paixão característica de Adriano era o rádio. Por anos ele ocupou durante as manhãs de sábado bancada do programa Saúde em Foco, na rádio 102FM. Adriano, por algum tempo, também foi colaborador do programa LuizMeloEntrevista (Diário 90,9FM).

O corpo de Adriano será velado na capela ecumênica Santa Rita, localizada na Mendonça Furtado, no Santa Rita.

O sepultamento ocorrerá às 17h desta quinta-feira (24), no cemitério de São José.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Um comentário em “Morre, aos 50 anos, Adriano Sampaio”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *