Cidades

Vacinação contra gripe: em três dias de campanha, Município de Macapá vacina 98% do público de idosos

Nesta primeira etapa, diferente das demais capitais que receberam vacinas para idosos e profissionais da saúde, Macapá recebeu somente o quantitativo para a vacinação do público-alvo correspondente às pessoas acima de 60 anos.

Compartilhe:

Em três dias de Campanha de Vacinação contra a Gripe, a Prefeitura de Macapá imunizou 21.130 idosos, esgotando assim o primeiro lote de vacina enviado pelo Ministério da Saúde. Nesta primeira etapa, diferente das demais capitais que receberam vacinas para idosos e profissionais da saúde, Macapá recebeu somente o quantitativo para a vacinação do público-alvo correspondente às pessoas acima de 60 anos.


Para essa população, a Coordenação Municipal de Imunização possui a meta de vacinar 21.401 idosos, o segundo maior grupo prioritário da campanha. “Em apenas três dias, conseguimos atingir 98% do nosso público-alvo, evitando as aglomerações e montado estratégias como drive-thru. Nos locais onde esse esquema funcionou, motoristas encostavam o carro, passavam por uma triagem e recebiam a vacinação, tudo sem sair do veículo. Dessa forma, os idosos evitam contato com muitas pessoas, reduzindo risco de infecção pelo novo Coronavírus”, disse a coordenadora de Imunização de Macapá, Jorsette Cantuária.


Para dar sequência à campanha para esse público, que nacionalmente tem até 13 de abril para a vacinação, a Secretaria Municipal de Saúde aguarda que uma nova remessa seja enviada pelo Ministério da Saúde. Após a chegada de novas doses, será feita a vacinação dos acamados e os acima de 80 anos, em domicilio.

Para proteger de forma antecipada os públicos prioritários contra os vírus mais comuns da gripe, a campanha nacional foi antecipada. Devido à circulação do Coronavírus no país, cada Estado e Município buscou estratégias para diminuir a concentração de pessoas. Em Macapá, a vacina ocorreu em 23 quadras de escolas municipais e três pontos de drive-thru, onde os idosos puderam ser vacinados sem precisar sair do carro.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *