Política

AL renova termos de auxílios com mais três instituições filantrópicas

Ao todo, o Legislativo repassará para as três instituições R$ 312 mil.

Compartilhe:

O presidente da Assembleia Legislativa do Amapá, deputado Kaká Barbosa (PR), renovou os termos de auxílios com a Casa da Hospitalidade, com o Educandário Dom Alexandre e com A Nossa Família, todos em Santana. A assinatura do termo aconteceu na tarde desta segunda-feira (14), no Instituto Marcelo Cândia. Ao todo, o Legislativo repassará para as três instituições R$ 312 mil.

 

Além do presidente do Legislativo, participaram da solenidade de assinatura a segunda vice-presidente da Assembleia Legislativa, deputada Roseli Matos (PP), as presidentes da Casa da Hospitalidade, imã Márcia de Jesus; do Lar Bethânia, irmã Rosane Cordeiro; e da A Nossa Família, irmã Marisa Bononi, o secretário Legislativo, Antônio Aparecido da Silva, além do vereador de Santana, Jailson Matos (PR).

 

De acordo com os documentos, a Casa de Leis irá repassar à Casa da Hospitalidade R$ 120 mil, divididos em doze parcelas de R$ 10 mil, cada. O mesmo valor será destinado ao Educandário Dom Alexandre, nos mesmos moldes da Casa da Hospitalidade. À Nossa Família foi destinado R$ 72 mil, divididos, também, em doze parcelas de R$ 6 mil, cada. Os recursos são para os custeios das instituições.

 

O presidente Kaká Barbosa enalteceu o trabalho de cada uma das instituições e a importância delas para o resgate da vida dos acolhidos, além de devolver a eles a esperança de uma vida digna. Kaká Barbosa condicionou a renovação do termo a dois motivos. Primeiro pelo ajuste fiscal pelo qual passou a Casa de Leis e o segundo pela compreensão do Ministério Público Estadual, que fez todo estudo necessário para a realização dos termos, conforme determina a lei.

 

“Cortamos gastos, enxugamos a nossa folha de pagamento e, com isso, reunimos condições para ajudarmos as instituições. A próxima será a Diocese de Macapá”, destacou Kaká Barbosa. “Mostramos que é possível termos uma boa relação com o MPE, que sempre tem nos dado a melhor orientação para continuarmos com as nossas ações de acordo com a lei”, arrematou.

 

Para a deputada Roseli Matos, a iniciativa do Legislativo garante às associações condições para que elas possam prosseguir com as suas atividades. “Sabemos o quanto é importante a continuidade dos trabalhos da Casa da Hospitalidade, do Lar Bethânia e da A Nossa Família, cada uma com o seu papel e todas pelo bem-estar daqueles que mais necessitam”, disse.

 

A presidente do Lar Bethânia, irmã Rosane Cordeiro, revelou que a assinatura do termo trará tranquilidade para a continuidade das ações. “Estamos diante da maior crise e enfrentamos sérios problemas financeiros. Chegamos a pensar em encerrar nossas atividades, mas ganhamos, com a assinatura deste termo com a Assembleia Legislativa, uma oxigenação e agora prosseguiremos nossos trabalhos e aguardaremos por outros convênios”, descreveu.

 

O Lar Bethânia acolhe adolescentes do sexo feminino em vulnerabilidade. São adolescente de 12 a 18 anos, a maioria vítima de abuso sexual, e mantém ainda um centro profissionalizante, onde jovens buscam qualificação para ingressar no mercado de trabalho.

 

Irmã Márcia de Jesus agradeceu a disponibilidade, o carinho e, ao mesmo tempo, a solidariedade da Casa de Leis em um momento tão importante, contribuindo com as instituições que acolhem crianças e adolescentes de todo o estado, com transtornos. “Seremos sempre gratas a esta iniciativa, é o reconhecimento de nosso trabalho e, ao mesmo tempo, a importância que ele tem para resgatar vidas e dar dignidade a esses acolhidos. Investir na vida é investir na infância, na criança, é acreditar que todos podem ter uma boa qualidade de vida”, disse.

 

Irmã Marisa Bononi, da Associação A Nossa Família, foi além. “Não é suficiente apenas fazer o bem, é preciso fazer o bem e bem!”, condicionou e reconheceu a participação do poder Legislativo como um dos bons incentivadores das ações filantrópicas.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *