Política

Articulação da bancada federal, promovida por Davi, permite a retomada da BR 156

A previsão de entrega do trecho é março 2020.

Compartilhe:

Acompanhado do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas; da bancada federal do Amapá e do governador do estado, Waldez Góes; o presidente do Congresso Nacional, senador Davi Alcolumbre, visitou, nesta segunda (7), a retomada dos trabalhos do trecho 2 Norte, da BR-156, no Amapá. A obra é uma luta antiga. Há mais de 40 anos os amapaenses aguardam a conclusão da estrada entre Macapá e o Oiapoque.

A retomada das obras da BR-156 é resultado do esforço e articulação, promovidos por Davi, da bancada federal com o ministério da Infraestrutura. A estrada possibilitará maior integração do Brasil com a Europa, por meio da Guiana Francesa, país vizinho ao Amapá.

Desde o semestre passado, Davi vem negociando com o ministro Tarcísio a retomada das obras cobrando, inclusive junto ao DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), a liberação de recurso extra para a retomada do asfaltamento nesse trecho. A pavimentação da via norte da rodovia foi iniciada há 43 anos, e cerca de 110 quilômetros ainda seguem tomados pela lama e poeira.

União de todos

Emenda da bancada amapaense ao Orçamento da União, permitiu que R$ 30 milhões fossem liberados no início deste ano. Segundo o ministério, até o final deste mês outros R$ 20 milhões devem ser autorizados pelo DNIT. O pedido já foi encaminhado ao ministério da Economia.

“Estamos aqui, na nossa BR 156, registrando que a retomada dessas obras é uma luta da bancada federal, que vêm lutando por recursos, ao longo dos anos, para fazer essa obra acontecer. A presença do nosso governador, dos deputados estaduais e federais, e, dos nossos senadores, acompanhando o ministro Tarcísio, ‘in loco’, no dia de hoje, é a maior prova de união que a gente poderia demonstrar ao povo Amapá. É a união do governo estadual, federal e dos nossos representantes legislativos em torno de uma só causa”, ressaltou Davi.

“É o início da retomada das obras dessa rodovia tão importante para o nosso Brasil. Com o alargamento dessa plataforma do lote 2, nós vamos avançar bastante no ano que vem. Assim, 2020 será um ano muito importante para que em 2021 nós possamos iniciar a pavimentação do lote 3, e a ideia é ter toda a pavimentação, desde Macapá até o Oipaque, até 2022. Com o apoio de toda a bancada amapaense será possível, sim, cumprir esse objetivo”, disse o ministro Tarcísio.

Geração de empregos

“Eu quero agradecer ao presidente do Senado, Davi Alcolumbre, ao senador Lucas, a toda a bancada federal e, muito especialmente, ao governo federal, em nome do ministro Tarcísio. O presidente Davi tem lutado incansavelmente para que essa obra seja concluída, pois a BR 156, certamente, é uma das obras mais importantes para o processo de desenvolvimento socioeconômico do Amapá. Tenho certeza de que o impacto na geração de empregos será significativo e, depois da conclusão, veremos um Amapá pujante, gerando oportunidades”, frisou Waldez.

“Não estava no mapa de obras do Brasil, mas conseguimos sensibilizar o ministro, e hoje ele está aqui, honrando a palavra. Há 11 anos essa obra estava parada nesse trecho norte. O nosso Brasil também é do Amapá. Os amapaenses lutaram para ser brasileiros, para garantir esse território, então nada mais justo do que terminar essa obra”, disse o senador Lucas Barreto.

Além do ministro Tarcísio, do governador Waldez e do senador Davi, estiveram presentes o diretor-geral do DNIT, José da Silva Tiago, e os deputados federais Acácio Favacho, André Abdon e Luiz Carlos. (Assessoria de Imprensa/Presidência do Senado)

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *