Artigos

Brasil a procura do merecido espaço

A capacidade do povo em aderir a campanha, leva em conta que enxerga positivamente e rejeita o negativo nesse caso, quando é enganado.

Compartilhe:

Ulisses Laurindo – Jornalista
Articulista

As nações desejam como primordial cultivar o amor entre o povo para que possa viver sem medo e afastar outras mazelas que inquietam toda a sociedade. O presidente Jair Bolsonaro depois da incerteza de início de governo, ao completar 100 dias, começou mostrar ao país maior segurança no comando. A manifestação popular provocada espontaneamente pelo povo nas ruas dos 27 estados, significa o retrato da confiança, mostrando a adesão às reformas propostas pelo Legislativo, representando como aval ao seu governo. A capacidade do povo em aderir a campanha, leva em conta que enxerga positivamente e rejeita o negativo nesse caso, quando é enganado.

Logo veio a reação do povo que nesta quinta-feira(30/05/19), usou a sua liberdade de ir às ruas para protestar contra o corte de verbas das Universidades, item que, poderá ser amplamente resolvido agora com a união dos Três Poderes.

Lembramos para o povo brasileiro o que já disse Rui Barbosa(1849-1923) quando estabeleceu um conceito sobre as normas de uma Nação: “Creio que a ordem não pode florescer senão no seio da sociedade e da justiça. Mas vejo os depositários da ordem respirarem deliciosamente na agitação, propagando-a, e sinto explorarem cada vez mais acirradas as paixões públicas em que a vida oficial parece para eles comprazer-se. Creio de dia em dia mais urgente um apelo a todas as forças vivas da Nação, priorizando os sentimentos válidos e sinceros do patriotismo brasileiro.”

A renúncia da atitude da população logo atingiu e sensibilizou pessoas do governo que, ato contínuo, buscou ampliar a projetada conquista, pois só em uma força reserva para deixar o povo ciente de que pode confiar naquilo que temia perder.

Todo mundo sabe que a união faz a força quando reúne a verdade, que logo se sustenta na união do Executivo , Legislativo e Judiciário, que juntos reúnem poderio contrario aos que pensam diferente de uma boa obra construtiva. A projetada junção para buscar objetivo entre os três poderes da Nação reforça a confiança no destino da Pátria que passará a ser cuidada a partir de junho da boa intenção dos três poderes que podem lutar pela aprovação das reformas, inclusive à da Previdência, que não soluciona todos os problemas do Brasil, mas abre um atalho para também colocar na pauta mudanças importantes para as dificuldades do país, e, abre também, perspectivas para pôr fim as constantes crises que se debatem junto ao povo brasileiro.

Chegou o momento do Brasil se unir para combater e extinguir os males que afetam a todos e que leva intranquilidade à população, como o recente massacre em Manaus e, de resto, em quase todos os estados, em que a violência impera e até hoje não se achou uma solução para acabar com essa tristeza. O Brasil que tem tudo para transmitir ao mundo o seu lado positivo, mas acaba representando para os outros países o seu lado parecido com o da Triste Figura, do Imortal Dom Quixote de Cervantes.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *