Cidades

Governo inicia distribuição de 78 mil doses de vacina contra o Influenza

Macapá foi o primeiro município a receber as doses da trivalente. Serão disponibilizadas, nas primeiras semanas, 78 mil doses.

Compartilhe:

O Governo do Amapá iniciou, na manhã desta quinta-feira, 12, a distribuição das doses de vacinas trivalente contra a Influenza (Gripe) para os 16 municípios. O primeiro a receber o quantitativo da Superintendência de Vigilância em Saúde (SVS) foi a capital, Macapá.

Serão disponibilizadas, nas primeiras semanas, 78 mil doses. A chefe de Unidade de Imunobiológicos da SVS, Andréa Marvão, orienta iniciar a vacinação já na próxima semana, a partir do dia 16, com os trabalhadores da saúde. Após esse processo, a campanha deverá iniciar no dia 23, com os demais grupos prioritários. Entre os dias 24 e 26 de abril, uma nova remessa das vacinas está prevista para chegar ao Estado, para intensificação da campanha.

De acordo com dados do Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações do Ministério da Saúde, em 2017, o Amapá alcançou o maior percentual de cobertura vacinal do país contra a Influenza. A cobertura vacinal em todo o Estado foi de 156.146 pessoas alcançadas, 100,92% da meta do programa, que era de 154.717 vacinas.

“A excelente cobertura é resultado de um planejamento organizado, onde foi orientado aos coordenadores municipais sobre a oferta da vacina e a priorização do grupo alvo da campanha. Para 2018, realizamos a reunião técnica onde coordenadores puderam tirar suas dúvidas”, destacou Marvão.

A vacina protege contra três subtipos do vírus da gripe determinados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para este ano (A/H1N1; A/H3N2 e influenza B).

Influenza
A Influenza (Gripe) é uma infecção viral aguda do sistema respiratório de elevada transmissibilidade e distribuição global.

Uma pessoa pode contraí-la várias vezes ao longo da vida e, em alguns casos, pode evoluir para uma forma grave, principalmente em crianças menores de cinco anos e adultos maiores 60 anos de idade, gestantes, puérperas, bem como em portadores de doenças pulmonares (incluindo asma), indivíduos imunodeprimidos, com doenças cardiovasculares, hepáticas e renais entre outras.

Os vírus de Influenza que atualmente circulam no Brasil são: Influenza A/H1N1, Influenza A/H3N2 e Influenza B.

No Amapá, circularam em 2017, dois vírus: Influenza A (subtipo H3N2) e Influenza B. Houve um total de 13 casos de Influenza A, de subtipo H3N2; desses, 12 na forma mais branda (Síndrome Gripal-SG) e 1 na forma mais grave (Síndrome Respiratória Aguda Grave-SRAG). Foram 5 casos de influenza B

 
Compartilhe:

Tópicos: