Cidades

População reclama de mato alto no cemitério da zona norte de Macapá

Secretário da SEMUR afirma que falta pouco para finalizar limpeza.

Compartilhe:

Lana Caroline

Da Redação

 

O mato alto no cemitério São Francisco, na zona norte de Macapá, vem sendo alvo de denuncias de pessoas que frequentam o local. Na manhã desta segunda-feira (20) o repórter Costa Filho, do programa ‘Luiz Melo Entrevista (Diário FM 90.9), foi até lá para mostrar a situação em que se encontra o cemitério.

 

 

Segundo o secretário da SEMUR, Augusto Almeida, há mais de um mês uma equipe da prefeitura está dentro dos cemitérios para limpeza, e que a chuva contribui para o crescimento do mato aos arredores das sepulturas. “Estávamos fazendo serviço na outra semana, mas o mato já cresceu. Agora estamos nessa transição de período de inverno para o verão, e finalizando alguns serviços. Falta pouca coisa para finalizar a limpeza no cemitério”, afirmou.

 

 

Além do mato alto, alguns vândalos ainda invadem o local para roubar e também depredar algumas sepulturas. O secretário ainda afirma, que a segurança dos locais não é por conta da prefeitura, porém, existe um auxílio das polícias civil e militar no campo investigativo. “ São criminosos que adentram o cemitério com o intuito de fazer furtos e depredar sepulturas. Infelizmente, a violência que está nas praças e ruas, chegou aos cemitérios.”

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *