Política

Davi prestigia unidade fluvial de educação profissionalizante em Macapá

A unidade fluvial sustentável circula há cinco anos e é considerada uma das mais modernas do país.

Compartilhe:

Na manhã desta sexta-feira (12), no Píer Santa Inês, em Macapá, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (Democratas-AP), e o ministro da Cidadania, Osmar Terra, estiveram visitando as instalações do barco Samaúma II, escola SENAI, que atende às comunidades ribeirinhas da Amazônia Legal, oferendo cursos profissionalizantes gratuitos de prática industrial a alunos da região norte brasileira. Os senadores Lucas Barreto (PSD/AP) e Randolfe Rodrigues (Rede/AP), além do governador do Amapá, Waldir Góes, e o prefeito de Macapá, Clécio Luís, e o deputado federal Floriano Pesaro, também acompanharam a comitiva.

A unidade fluvial sustentável circula há cinco anos e é considerada uma das mais modernas do país. Com três conveses, pesa mais de 250 toneladas, possui 4 salas de aula, 7 laboratórios/oficinas para aulas práticas e capacidade para atender até 3 mil pessoas por ano, e é a primeira vez que ela é ancorada em Macapá.

Durante a conversa com alunos na sala de informática, e nos laboratórios de alimentos e mecânica da embarcação, Alcolumbre, pontuou: “Sinto-me duplamente gratificado em prestigiar o projeto Barco-Escola, o Samaúma 2, ancorado em Macapá. Se, de um lado, possibilita que centenas de pessoas da região Norte tenham acesso à educação, de outro, implementa de vez a integração do Amapá ao tabuleiro federativo dos projetos de educação industrial. Quem ganha é a juventude amapaense, que agora pode prosperar mediante uma nova profissão. Multiplicamos assim nosso potencial no processo de ensino-aprendizagem, investindo conhecimento necessário e de ponta em nossa juventude trabalhadora”, disse Davi.

Fotos: Marcos Brandão

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *