Política

Prefeito em exercício de Calçoene diz que cidade precisa ser reconstruída

Segundo o presidente da Câmara Júlio 7 Ilhas, substituto do prefeito Jones Cavalcante, que está preso acusado de desvios de verbas, o município enfrenta uma crise.

Compartilhe:

Em entrevista exclusiva concedida nesta segunda-feira (15) ao programa LuizMeloEntrevista (DiárioFM 90,9), o prefeito em exercício de Calçoene, vereador Julio 7 Ilhas (MDB), afirmou que o município enfrenta uma situação de crise. Segundo ele, que substitui o prefeito Jones Cavalcante, preso acusado de desvios de verbas públicas – haja vista que a vice Ângela Deniur renunciou ao cargo – a distância geográfica, a burocracia para o acesso de senhas, falta de políticas públicas e a insegurança jurídica têm agravado a situação.

Ainda de acordo com Junior 7 Ilhas, até salários dos funcionários estão em atraso e os prestadores de serviços estão sem receber porque o mesmo não tem acesso às contas bancárias. Ele reclamou da falta de estrutura das agências bancárias no município, o que impede o acesso imediato às contas.

Com relação à situação jurídica de Jones Cavalcante, o prefeito em exercício explicou que o mesmo responde a uma ação penal e a um inquérito, mas por se encontrarem em segredo de justiça, ele não tem detalhes. “Para obtermos detalhes, sabermos exatamente do que se trata, a Câmara instalou uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito), que já está na fase de intimação do prefeito Jones, para termos acesso a esses documentos”, revelou.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *