Política

Subprocurador diz que Central de Licitações retira privilégios

Juliano Avelar também informa que novo método ainda está em estágio experimental  

Compartilhe:

 

Para o subprocurador do Amapá, Juliano Avelar, com a criação da Central de Licitações da administração estadual vai acabar a figura do privilégio em todos os processos de compra e prestação de serviços ao governo local.

Juliano explanou na manhã desta quarta-feira, no programa LuizMeloEntrevista (Rádio Diário FM 90,9), que a Central de Licitações extingue as CPLs das secretarias, ficando todos os processos concentrados na Procuradoria Geral do Estado do Amapá.

Além da centralização, o subprocurador aponta a transparência como outro fator da quebra do privilégio.

“Tudo é feito na internet. Este é um caminho sem volta”, disse o subprocurador com a informação de que a Central de Licitações ainda está em fase de experimentos.

Juliano ilustrou, contudo, que quatro processos licitatórios já foram realizados pelo novo método com o governo conseguindo economizar R$ 69.500.

 
Compartilhe:

Tópicos:  

Deixe seu comentário:




2 comentários em “Subprocurador diz que Central de Licitações retira privilégios”

  • JOSE MARIA OLIVEIRA DA COSTA disse:

    E ainda diz com todas as letras que só na PGE tem gente honesta. Pasmem senhores secretários e funcionários públicos.

  • JOSE MARIA OLIVEIRA DA COSTA disse:

    Tá de sacanagem, esse cara. Pode ser um bom advogado. Mas nunca ouviu falar em administração publica nem privada.
    As cpl’s nas secretarias já não funcionam, imagine concentradas. Pesquisemos Brasil afora e vejamos se algum estado adota esse sistema. Ao contrário, o próprio governo federal, quando tem varias licitações em um mesmo órgão, cria cpl’s especiais, exclusiva para cada evento. Nomeia uma equipe de pessoas conhecedoras do assunto e fiscaliza a execução. Só assim consegue realizar dentro dos prazos previstos a contratação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *