Nossa Opinião

Bem e mal

Principalmente em período eleitoral, como nos dias de hoje, há sempre o que “aprender” na internet sobre baixarias, como já se lê do lado de cá do balcão — abundantemente, inclusive.

A mando de maus políticos, o nem sempre evitável “tuíta aí que sicrano é isso e beltrano aquilo …”.

E geralmente por alguns vinténs, dito e feito.
Para acessar, fácil. É só dar ‘Enter’ no computador e a santa canalhice vem à tela, mesmo desaconselhada para menor de idade.
E o pouco que sobra está na atitude agressiva e no deboche.
Para os que gostam, não tem filme melhor.
Desperdício!

Compartilhe:

 

Noves fora as terceiras intenções, estamos falando de uma inesgotável fonte de conteúdo, “ferramenta” pela qual podemos interagir bons e valiosos conhecimentos.
É um relógio que bate à nossa frente pedindo pra ser bem usado, como, quando e onde queiramos que assim seja.
Como bons aliados, notebooks, tablets e celulares vieram pra nos ajudar a fazer do tempo um bom amigo.
Mais humanamente possível e menos, muito menos estressivo, no que fazer e como fazer bem feito.
Nunca um concorrente e jamais como uma arma de grosso calibre, para destruir reputações.
E maltratar seus teclados é como serrar o galho sobre o qual podemos estar confortavelmente sentados.
Aprendizado!

Luiz Melo
Jornalista

 
Compartilhe:

Deixe seu comentário:




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *